31 de mai de 2018

MICHEL TEMER, PENSE E ANALISE ESTA CONCLUSAO DE UM CIDADAO COMUM

ANALISE BRILHANTE DE ANGELO MARTINS

Resultado de imagem para Fotos de petroleiros em greve e caminhoneiros

Se o preço de algo está impraticável, e o governo cobra cerca de 50% de impostos (pegando toda a cadeia produtiva até chegar às bombas), a questão está posta: é mais importante arrecadar impostos, mesmo que isso impeça a atividade econômica, ou é mais importante a continuidade da atividade?
A cotação internacional do petróleo é relevante para a variação do preço sim, mas se temos 50% de impostos isto significa que o poder público brasileiro tinha uma margem ENORME para reduzir o preço.
Logo, a reivindicação dos caminhoneiros era e continua justíssima sob qualquer ponto de vista.
Agora, se o governo reduz o preço baixando temporariamente os impostos e diz que vai descontar no povo com outros impostos, não se deve reclamar dos caminhoneiros 'pela graça alcançada', mas do governo. Cobrar dos caminhoneiros a sacanagem da presidência é atender ao desejo dessa gente (*) que quer dividir o povo para poder continuar dividindo o bolo de mordomias roubadas de todos nós.
(*) Essa gente = Temer e seus principais ministros, que fizeram parte dos 13 anos de PT no poder e hoje governam ao lado do PSDB

Nenhum comentário: