27 de nov de 2015

O PRECEITO MAIS IMPORTANTE DE MAOME E IMIGRACAO





I notice that in all comments on Islamization in an page is never explained one of the first commandments of their prophet who recommended as the primary means of conquering the world, IMMIGRATION. Waves of refugees are sent to countries and will be used to breed and increase the Muslim population while building mosques and imposing their religion on everyone and their culture and without the country know it ends up being swallowed by their customs that in reality not consistent with their own culture.
Therefore, countries have to open their eyes to this detail and more to quickly create a paragraph in immigration law, prohibiting those refugees from getting pregnant for that Muhammad order for her followers not take place at least while in that foreign country. This is the right of every nation to guard. No one can be in line with terror.
"The most important event of world history for the Muslim is not a crucifixion or the establishment of the world, but an immigration, a hijra (or" hijra "), which brings a little update for the debate. While the West looks at "refugee crisis" as if it were only one reason to release airports in speeches of peace and tolerance at the UN Muslim, who started his knowledge of the world out of this, know that a mass immigration is the first form of conquest imposed by their religion."

Eu noto que em todos os comentarios sobre islamiizacao em qualquer pagina nunca e explicado um dos primeiros mandamentos do profeta deles que recomenda como principal meio de conquista do mundo, a IMIGRACAO. Levas de refugiados sao enviados aos paises e que serao usados para procriar e aumentar a populacao muculmana e ao mesmo tempo construindo mesquitas e impondo sua religiao a todo mundo e sua cultura e sem que o pais perceba acaba sendo engolido pelos costumes que na realidade nao se coaduna com sua propria cultura.
Portanto, os paises tem que abrir os olhos para esse detalhe e mais que depressa criar uma paragrafo na lei de imigracao ,proibindo essas refugiadas de ENGRAVIDAREM para que essa ordem de Maome para seus seguidores nao se realizem, pelo menos enquanto estiver naquele pais estrangeiro. E um direito de cada nacao se precaver. Ninguem pode se coadunar com o terror
"O evento mais importante da história universal para o muçulmano não é uma crucificação ou o estabelecimento do mundo, mas uma imigração, uma hijra (ou “hégira”), o que traz um pouco de atualidade para o debate. Enquanto o Ocidente analisa a “crise dos refugiados” como se fosse apenas um motivo para liberar aeroportos em discursos de paz e tolerância na ONU, o muçulmano, que iniciou seu conhecimento do mundo a partir disto, sabe que uma imigração em massa é a primeira forma de conquista imposta pela sua religião."

http://sensoincomum.org/2015/11/15/islamismo-religiao-paz/

Nenhum comentário: