Seguidores

8 de set de 2013

DIL-MA E LULA ESTAO FUDIDOS

 
Um repórter norte-americano, radicado no Brasil, já está sob proteção de agentes do governo dos EUA. O jornalista vem recebendo ameaças desde que souberam que ele detém informações gravíssimas, com detalhes e documentos, sobre a corrupção nos desgovernos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Tudo fruto da espionagem promovida pela Agência Nacional de Segurança (NSA) do Tio Sam.

O Alerta Total já cansou de informar, desde que estourou o abafado e impune escândalo do Rosegate, que existem provas, legais ou não, obtidas por “monitoramentos” que envolvem diretamente Lula, e indiretamente Dilma, com os negócios escusos praticados pela poderosa Rosemary Nóvoa Noronha – ocupante do esdrúxulo cargo de ex-chefe do escritório da Presidência da República em São Paulo.

A espionagem norte-americana sabe tudo e um pouco mais sobre o escândalo que corre em estranhíssimo e inconcebível segredinho de Justiça (algo tão mais grave ou hediondo que qualquer espionagem estrangeira). Um dossiê completo sobre o Rosegate está nas mãos do repórter norte-americano protegido pela CIA e suas empresas terceirizadas de segurança. O cara que sabe tudo só não encontra um veículo brasileiro de informação com coragem para detonar o caso.

Tentem perguntar, grosseiramente, para o agente secreto Tio Sam: “E no Rosegate, não vai nada?”. Ironicamente, ele responderá: “Já foi tudo”... A revelação dos fatos mais graves sobre o caso Rose acabará, definitivamente, com a carreira de Luiz Inácio Lula da Silva – classificado como o “melhor amigo” dela. O Alerta Total já cansou de revelar que os espiões obtiveram fotos, documentos e telefonemas das relações de negócios e “amizade” entre os dois personagens.

Nenhum comentário: