11 de ago de 2009

Serra diz que Lula interferiu no Conselho de Etica

Ter, 11 Ago, 08h40



O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), afirmou ontem, em entrevista à rádio Tudo FM de Salvador, que o governo federal interferiu na crise do Senado. "Não tenho participado dessa discussão, mas fui senador e sei como aquela Casa funciona", disse. Serra não citou diretamente o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas deixou claro que identificou a participação do Palácio do Planalto nos acontecimentos do Senado. "Na condição de governador tenho de manter uma relação institucional com o Senado. Houve realmente interferência do Executivo", disse. "Espero que os próprios senadores encontrem uma saída para essa crise."

Na semana passada, o presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB-RJ), decidiu pelo arquivamento de todas as 11 ações contra Sarney - e uma contra o líder do PMDB, Renan Calheiros (AL). Ontem, porém, o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM) e o PSOL recorreram ao colegiado contra o engavetamento. Sarney é acusado, entre outras denúncias, de responsabilidade na edição de atos secretos adotados para criação de cargos, nomeações e aumentos salariais e de irregularidades na administração da fundação que leva seu nome.

Em Quito, no Equador, o presidente tentou se descolar da crise política no Senado e declarou que seria "presunção" interferir nos processos abertos no Conselho de Ética contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). "Eles têm os mecanismos. Que investiguem, que absolvam, que punam. Mas que não peçam a minha opinião." O presidente voltou a repetir que o Senado tem "maioridade e instrumentos" para investigar os casos "do jeito que bem entender" e "não cabe a ele dar palpites". "Seria presunção demais da minha parte." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

4 comentários:

Lord disse...

2010 VEM AI, “ELEJA, NÃO REELEJA”, Vamos limpar o Congresso, aquele show de horrores, com CPIs terminando em pizza, deputados e senadores arrogantes, acobertando uns aos outros. Os atuais deputados e senadores sabem o que ali acorre, porem sao coniventes! Alguns criticam seus pares, mas falta coragem. Lamentável porque precisamos de HOMENS QUE MORALIZEM AQUELAS INSTITUIÇÕES. Caranovanocongresso.blogspot.com

Laguardia disse...

Não resta a menor dúvida de que Lula não só interferiu como interfere no senado na camara e onde for que ache necessário para manter o poder.

Não podemos votar em nenhum candidato de partidos da base aliada e temos que renovar o executivo e o legislativo.

ALBERTO FIGUEIREDO disse...

E daí?
Tem algum macho no Brasil para dizer ou para enfiar a mão na cara dele?
O Brasil é uma pocilga e porco por porco, todos estão comendo no mesmo coxo.
Estou cansado de ler muito cabra macho nos teclados dos computadores reclamando, isso dá em alguma coisa? Se pelo menos estivessem gastando parte da energia em mobilizaçãotalvez surtisse algum efeito.
Quem sabe dia sete de setembro?

Chá das Cinco disse...

Eu fiquei muito emocionada com as tuas palavras,estou aqui para te agradecer minha linda.
A minha intenção foi deixar registrado na internet o nome desse monstro e o que as pessoas pensam dele.
Você acredita que no dia do acidente a companheira dele estava tão fora de si que não parava de rir durante o depoimento na delegacia?

Mais uma vez obrigada,estou aqui no teu blog,assim ficarei mais perto de você.
Bjs de Gê